Últimos dias para sacar abono salarial PIS 2014

PIS 2014. Você sabia que se trabalhou pelo menos dois meses no ano 2014 com a carteira assinada tem direito a sacar o valor de 880.00 R$ até o dia 29 de Dezembro referente ao seu Abono salarial PIS-PASEP? Se quer saber mais ao respeito continue lendo o artigo!

Estamos em dezembro de 2016 mas ainda assim o PIS de 2014 ainda está sendo retirado. Entenda o que está acontecendo e veja o novo prazo para sacar o PIS 2014.

Dia 29 de dezembro é o último dia para você retirar seu PIS (Programa de Integração Social). Caso você ainda não entenda bem o que é esse imposto social, veja nesse artigo o que é o PIS.

Mais de 900 mil brasileiros  ainda não sacaram o PIS do ano 2014!

Quem tem direito ao Abonono Salarial PIS/PASEP 2014

É importante que se esclareça as dúvidas o mais rápido possível para não perder dinheiro. Dia 30 os bancos não abrem e você não poderá resolver nada caso deixe para resolver tudo no último dia (29) e aconteça algum erro.

Após a data, todos os valores são destinados ao Fundo de Amparo ao Trabalhador.

Quem tem esse direito para receber o PIS 2014?

Para ter direito a esse benefício o trabalhador tem de se encaixar em um determinado perfil:

  • Estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
  • Ter os dados de trabalhador atualizados pela empresa na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS);
  • Ter recebido no ano anterior salário equivalente até dois salários mínimos;
  • Ter trabalhado remuneradamente por no mínimo 30 dias (um mês) no ano-base 2014 (graças às novas regras de 08 de julho de 2015)*.

* Embora você tenha direito a um valor mesmo não tendo completado os seis meses. Por exemplo: Se trabalhou por um mês no ano base de 2015 tem direito a receber 1/12 do salário mínimo.

Se você segue esse perfil e ainda não retirou seu benefício 2014, vá enquanto é tempo. Esse ano o prazo para saque se estendeu várias vezes mas as pessoas parecem não estar sabendo como ter acesso a isso.

Entenda o problema

Por conta da crise, este ano (2016) está recebendo o valor referente ao ano base de 2014 e parte de 2015 (para os nascidos entre julho e dezembro), que continuará sendo pago em 2017 até 30 de junho (para os nascidos entre os meses de janeiro e junho).

No entanto, essa medida foi tão incomum e feita de forma tão urgente que até mesmo os atendentes das agências parecem estar desinformados. “É muito comum as pessoas buscarem o saque nas agências ou loterias e os agentes bancários entenderem que a pessoa está querendo o saque do calendário atual. E nós estamos fazendo a campanha relativa ao calendário do ano de 2014”. Por isso, caso ache que é isso que está acontecendo com você, informe ao atendente que é o ano base de 2014 e peça uma nova consulta.

Como sacar o PIS 2014?

Para sacar você deve preencher os requisitos ditos acima e consultar a tabela do PIS deste ano  e ver se já está na época, ou ainda acessar o site do Ministério do Trabalho colocar seu CPF e número do PIS/Pasep e data de nascimento. Se seu nome constar na lista de beneficiados, leve um documento de identificação numa agência da Caixa e o número do PIS e veja se o valor foi depositado lá ou no Banco do Brasil (se você tiver Cartão Cidadão pode retirar nos caixas eletrônicos e também nas casas lotéricas).

Consulta Abono salarial para consultas referentes ao ano base 2015. E abaixo o botão para Consulta com ano base 2014.

Ainda que na agência bancária você encontre algum erro, caso tenha realmente visto seu nome na lista de beneficiados, pode pedir ao atendente que faça outra consulta pelo número do CPF e que atualize os dados de cadastro do PIS ou Pasep.

Já fizemos um artigo no site sobre possíveis problemas que podem acontecer para sacar o PIS/Pasep, você pode ver sobre ele aqui. No artigo também tem telefones de contato para tirar mais dúvidas e links para consulta online.

Lembre que prazo para sacar o PIS  2014 termina o dia 29 de Dezembro!

Não perca tempo e corra atrás dos seus direitos! Esperamos ter ajudado a resolver suas dúvidas referente ao abono salarial ano base 2014. Dúvidas? Deixe nos comentários.

3 Comentários

  1. Lauro Correia da Cruz
  2. louraci mariano amorim
  3. Aparecido José Teixeira

Deixe o seu Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *